O rockeiro cristão e a aparência.

Como sempre faço, serei bem direto nessa publicação. Quando eu era adolescente assistir um vídeo de um metaleiro que se converteu ao cristianismo, no vídeo ele falava o quanto mudou e que jogou fora todas as camisas de banda que ele tinha e que não ouvia mais as bandas de metal secular. A partir daí fiquei com a ideia de que usar essas camisas era errado e que rock secular era pecado, na verdade eu achava q tudo q tinha a palavra "secular" era pecado. Eu tive q passar por um grade processo para aprender a me livrar de certos preconceitos que aprendi desde pequeno por pessoas religiosas. Hoje não vejo problema algum em escutar músicas seculares e muito menos em vestir camisas de bandas. Deus não nos julga segundo o que ouvimos ou vestimos, mas sim os nossos atos. Creio que um rapaz metaleiro que ajuda e serve as pessoas é mais agradável a Deus do que um religioso que usa camisas escritas "Jesus salva" que não respeita ninguém e todo domingo vai a igreja exercer alguma liderança. Mas o julgado será sempre aquele que se veste ou agi de forma diferente aos padrões impostos pelos homens. As pessoas precisam aprender que a aparência não importa para o nosso Deus, e que um coração sincero e humilde é o que Ele realmente deseja de nós.


COMPARTILHAR
Anterior
Proxima
20 de janeiro de 2016 07:11

Mano nesse publicaçao ai tem um equivoco muito grande
nao e exatamente assim...
me add no face pra trocarmos uma ideia
so quero apresentar o que eu entendo pela a biblia
Falow Deus o abençoe
https://www.facebook.com/leonardo.f.dapaixap

Resposta
avatar
21 de maio de 2017 12:28

Concordo plenamente com vc Leonardo Paixao.

Resposta
avatar