Firmados na Rocha.

Irmãos, devemos sempre dar graças a Deus por vocês; e isso é justo, porque a fé que vocês têm cresce cada vez mais, e muito aumenta o amor de todos vocês uns pelos outros. Por esta causa nos gloriamos em vocês entre as igrejas de Deus pela perseverança e fé demostrada por vocês em todas as perseguições e tribulações que estão suportando. Elas dão prova do justo juízo de Deus e mostram o seu desejo de que vocês sejam considerados dignos do seu Reino, pelo qual vocês também estão sofrendo. É justo da parte de Deus retribuir com tribulação aos que lhes causam tribulação, e dar alívio a vocês, que estão sendo atribulados, e a nós também. Isso acontecerá quando o Senhor Jesus for revelado lá dos céus, com os seus anjos poderosos, em meio a chamas flamejantes.
(2 Tessalonicenses, 1: 3 ao 7)
Quando Paulo escreveu esta carta aos tessalonicenses, eles passavam por grandes tribulações e perseguições. Mas o que chama a atenção, é que, no meio da tensão em que estavam vivendo, eles cresciam em fé e em amor uns pelos outros. Na maioria das vezes, quando estamos passando por lutas, nossa Fé costuma oscilar, começamos a olhar como pedro, para as circunstâncias em vez de olhar para Cristo, mas os tessalonicenses, não. Eles estavam perseverantes e firmes, sua Fé estava firmada no Salvador, estavam firmados na Rocha. E temos que ser como eles, em meio as lutas, crescer em Cristo, em meio as guerras e perseguições, confiar naquele que fez todas as coisas, e um dia teremos alívio, paz, gozo eterno, mas não se engane, essas promessas não são para essa vida, "no mundo vocês terão aflições". Tudo que enfrentaremos nessa vida serão lutas, nosso descanso eterno será "quando o Senhor Jesus for revelado lá dos céus, com os seus anjos poderosos, em meio a chamas flamejantes", Glória a Deus por isso. Que Sejamos firmes, pacientes, perseverantes, crescendo em Fé e em amor, não importam as circunstâncias, que venhamos ser como Jesus Cristo, para a Glória de Deus, amém.

Kelvin Teixeira

COMPARTILHAR
Anterior
Proxima